6.6.13

Eu fico a fazer festinhas

Monto uma tenda aqui, disse a irmã, uma tenda para eu dormir mais perto e amanhã acordar a teu lado e chegar-te a roupa. Mas tenda mesmo a sério, fecho corrido, lancheiras, uma tenda como a que a gente tinha na praia, aquela toda velhinha onde a gente dormir. Velhinha, mas ainda dava. Sim, a gente cabe sempre todos juntos, diz. Monto uma tenda, vais ver. Monto aqui a tenda e fico a fazer festinhas.